MENU

29/11/2021 às 20h51min - Atualizada em 30/11/2021 às 00h01min

Mulher é agredida durante discussão por causa de carona recusada, bate a cabeça no chão e morre no hospital

Briga aconteceu em Santa Cruz de Monte Cristo, no noroeste do Paraná. Vítima de 51 anos levou um chute no peito e bateu a cabeça. Ela estava internada na Santa Casa de Paranavaí.

G1 - Norte, Nordeste PR
https://g1.globo.com/pr/norte-noroeste/noticia/2021/11/29/mulher-e-agredida-durante-discussao-por-causa-de-carona-recusada-bate-a-cabeca-no-chao-e-morre-no-hospital.ghtml

Briga aconteceu em Santa Cruz de Monte Cristo, no noroeste do Paraná. Vítima de 51 anos levou um chute no peito e bateu a cabeça. Ela estava internada na Santa Casa de Paranavaí. Morre mulher que foi agredida em confusão por carona
Uma mulher que foi agredida e bateu a cabeça no chão durante uma confusão por causa de uma carona recusada morreu na Santa Casa de Paranavaí, no noroeste do Paraná, na sexta-feira (26).
A agressão aconteceu na terça-feira (23), em Santa Cruz de Monte Castelo, segundo a Polícia Militar. A mulher, de 51 anos, não resistiu ao ferimento e morreu após ficar três dias internada em estado grave.
De acordo com a polícia, ela levou um chute no peito ao tentar separar uma briga entre o filho dela e um homem que pediu carona a ele. Após ser agredida ela caiu e bateu com a cabeça no chão.
Mulher passou três dias internada em estado grave na Santa Casa de Paranavaí
Reprodução/RPC
Briga
A confusão começou pela manhã da terça-feira (23). O filho da vítima e o pai dele saíram para trabalhar em Porto Rico, também na região noroeste, a cerca de 20 km de distância.
Um homem de 23 anos pediu carona aos dois, que recusaram o pedido. De acordo com a polícia, o homem era desconhecido da família.
Pedido de carona acaba com mulher gravemente ferida em Santa Cruz de Monte Castelo
O rapaz ficou contrariado com a recusa da carona e danificou a casa da família, o que motivou o filho da vítima a voltar para a cidade para prestar queixa.
Enquanto o filho da vítima, que tinha recusado a carona, se dirigia para a polícia, ele encontrou o homem que tinha pedido a carona e os dois começaram a brigar.
Segundo a polícia, a mãe tentou separar a briga e acabou agredida.
Pela gravidade do ferimento, ela foi levada para a Santa Casa de Paranavaí.
De acordo com a PM, o suspeito da agressão foi levado para a delegacia de Loanda, também no noroeste, e preso.
Veja mais notícias da região em g1 Paraná

Fonte: https://g1.globo.com/pr/norte-noroeste/noticia/2021/11/29/mulher-e-agredida-durante-discussao-por-causa-de-carona-recusada-bate-a-cabeca-no-chao-e-morre-no-hospital.ghtml
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp