MENU

30/11/2021 às 10h14min - Atualizada em 30/11/2021 às 10h14min

​Mostra de Arte e Cultura Afro-brasileira realiza atividade em Cornélio Procópio

O painel foi produzido em homenagem à Mãe Neia de Oyá, que faleceu em julho de 2021

Assessoria
Assessoria
Ontem, 28, a cidade de Cornélio Procópio recebeu uma das atividades da VII Mostra de Arte e Cultura Afro-brasileira, que teve como tema "Arte, Rua e Trabalho". Realizado pela UENP, Prefeitura de Cornélio Procópio, UTFPR, Unifio e mais dez municípios, o evento contou com a presença do prefeito Amin José Hannouche, e representantes da UENP, da UTFPR, do Grupo de Capoeira Makulelê; e do Ilé Asè Igba Oyá Omoforimbalé.

A ação contou com a inauguração do painel em homenagem à Ialorixá Ednea de Oyá produzido pelo coletivo Capstyle, de Londrina, e pelos artistas Marlon, Fabinho e Takei, de Cornélio Procópio. Na ocasião, a Ebomi Érica de Xangô recebeu, da comissão organizadora, um quadro contendo a identidade visual da Mostra Afro, que traz Mãe Neia como referência.

Segundo o coordenador da Mostra Afro e diretor de Cultura da UENP, James Rios, o evento de ontem foi marcado pela homenagem à Mãe Neia de Oyá. “Todas ações foram pensadas nessa perspectiva da homenagem, que mobilizou artistas da cidade e de outras localidades. Foi, certamente, um encontro ancestral, uma ação muito bonita que irá amadurecer e integrar toda a comunidade", disse.

"Aproveito o ensejo para agradecer aos artistas e agentes culturais locais, instituições parceiras, coletivos, e à Prefeitura, na pessoa do prefeito Amin Annouche, por apoiar essa iniciativa tão importante nesse tempo presente", completou.

Realizado na quadra poliesportiva da Vila América, o evento contou com a apresentação do grupo de capoeira Angoleiros do Interior, de Paraguaçu Paulista.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp