MENU

05/12/2021 às 18h43min - Atualizada em 06/12/2021 às 00h50min

Ronaldo Correa, do Podemos, é eleito prefeito de Reginópolis em eleições suplementares

Candidato foi eleito vereador nas eleições municipais de 2020 e como presidente da Câmara, havia assumido a prefeitura interinamente em janeiro desse ano. Apuração terminou por volta das 18h20 deste domingo (5).

G1 - Bauru, Marília (SP)
https://g1.globo.com/sp/bauru-marilia/noticia/2021/12/05/ronaldo-correa-do-podemos-e-eleito-prefeito-de-reginopolis-em-eleicoes-suplementares.ghtml

Candidato foi eleito vereador nas eleições municipais de 2020 e como presidente da Câmara, havia assumido a prefeitura interinamente em janeiro desse ano. Apuração terminou por volta das 18h20 deste domingo (5). Ronaldo Correa diz que vai dar continuidade ao trabalho já iniciado como prefeito interino de Reginópolis
Cesar Culiche / TV TEM
O candidato do Podemos, Ronaldo Correa, foi eleito o novo prefeito de Reginópolis (SP), nas eleições suplementares realizadas neste domingo (5).
Ele recebeu 51,78% dos votos válidos, o que corresponde a 1.831 votos, 126 votos a mais que o candidato João Paulo (MDB) que também disputava o cargo de prefeito e recebeu 1.705 votos, o que corresponde a 48,22% dos votos válidos. (Veja aqui a apuração completa).
Os dois candidatos disputaram o pleito com chapa pura, sem coligação. Ronaldo tem Fernando Inácio, do mesmo partido, como vice.
Ronaldo Correa (Podemos) foi eleito prefeito de Reginópolis
TSE/ Divulgação
Ronaldo Correa foi eleito vereador nas últimas eleições municipais realizadas no ano passado e, com foi escolhido presidente da Câmara, assumiu interinamente a prefeitura em janeiro desse ano. Depois da divulgação do resultado, o prefeito eleito disse em entrevista à TV TEM que irá da continuidade ao trabalho iniciado com prefeito interino.
"Nós vamos dar continuidade ao projeto iniciado como prefeito interino de construção do nosso distrito industrial. Nós iremos concentrar toda a nossa força para gerar emprego e dar independência para nossa população", afirma.
As novas eleições na cidade foram aprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) depois que a prefeita eleita no ano passado, Carolina Araújo de Souza Veríssimo, a Carola (MDB), não pode assumir o cargo.
Ela teve o pedido de candidatura impugnado a pedido do Ministério Público, por ato de improbidade administrativa.
O novo prefeito pode ser diplomado até o dia 7 de janeiro e deve comandar a cidade até dezembro de 2024.
Votação tranquila
Votação em Reginópolis é realizada em dois locais
Cassiano Rolim/ TV TEM
Durante a votação não houve registro de ocorrências graves. Apenas uma motorista foi orientada a retirar o carro que estava estacionado próximo a um dos locais de votação com propaganda de um dos candidatos.
Segundo o juiz eleitoral Matheus Cursino Villela, os eleitores estão sendo orientados sobre possíveis irregularidades e, em caso de insistência, podem ser levados para delegacia.
Motorista foi orientada a retirar o carro que estava estacionado no perímetro do local de votação em Reginópolis com propaganda eleitoral
Cassiano Rolim / TV TEM
“A orientação que nós temos passado tanto para os candidatos como para os eleitores é de que no perímetro da votação está proibida a circulação de carros adesivados para se evitar que se configure uma propaganda irregular de boca de urna que possa influenciar a livre manifestação do voto”, destaca.
Ainda segundo o juiz também não permitida aglomerações de pessoas com camisetas, bandeiras e outros itens relacionados a propaganda de candidatos.
Motorista retirou o carro com a propaganda após ser orientada em Reginópolis
Cassiano Rolim / TV TEM
Após o encerramento da votação às 17h, as urnas foram levadas para o cartório eleitoral de Pirajuí, cidade que fica a 27 km de distância, para apuração dos votos.
Urnas são levadas para Pirajuí para apuração dos votos das eleições em Reginópolis
Gabriela Prado/ TV TEM
Documentos e justificativa
Quem deixar de votar por não se encontrar em seu domicílio eleitoral poderá justificar sua ausência, no mesmo dia e horário da votação, por meio da funcionalidade "Justifica Brasil", disponível no aplicativo "e-Título".
Essa justificativa também poderá ser feita até 3 de fevereiro de 2022, pelo e-Título, pelo Sistema Justifica ou por meio de requerimento formulado perante a zona eleitoral na qual está cadastrado. O eleitor que se encontrar no exterior na data do pleito, o prazo será de 30 dias, contados do seu retorno ao país.
VÍDEOS: assista às reportagens da região
Veja mais notícias da região no g1 Bauru e Marília.

Fonte: https://g1.globo.com/sp/bauru-marilia/noticia/2021/12/05/ronaldo-correa-do-podemos-e-eleito-prefeito-de-reginopolis-em-eleicoes-suplementares.ghtml
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp