MENU

16/12/2021 às 09h59min - Atualizada em 16/12/2021 às 09h59min

​Policia Civil prende sequestradores e estuprador em Santo Antônio da Platina

Vítima devia para traficantes e foi violentada duas vezes durante a madrugada

Tá no Site com PCPR
Divulgação
Na manhã desta quarta-feira (15), compareceu na 38ª Delegacia Regional de Polícia, em Santo Antônio da Platina/PR, um homem de 33 anos relatando que sua companheira, de 24 anos, foi sequestrada na noite anterior por traficantes em razão de dívida de droga, cerca de R$ 170,00, indicando a casa onde a mesma estaria em poder dos sequestradores.

De posse das informações, equipe de investigadores da Polícia Civil foi ao local e conversou com um dos moradores, o qual falou que a vítima não estava ali nem o apontado sequestrador, sendo então encerrada a diligência no local.

No entanto, logo no começo da tarde a vítima compareceu na delegacia acompanhada de outra mulher, alegando que estaria ali para desmentir que estava sendo vítima de sequestro. Um investigador desconfiando da versão apresentada e em razão da mesma estar muito nervosa, separou a mesma da mulher que a acompanhava e a ouviu separadamente, momento em que a vítima confirmou que ainda estava sequestrada e a mulher junto dela fiscalizava o que ela iria dizer.

A vítima então foi ouvida pelo delegado relatando que ela e seu companheiro estavam devendo para traficantes e teria ido à casa dos mesmos para tentar negociar a dívida, momento em que foi pega por um deles e privada de sua liberdade.

A vítima ainda relatou que ficou em poder do sequestrador e foi estuprada por duas vezes durante a madrugada, sendo que foi ameaçada nesses momentos com uma faca no pescoço e com o estuprador dizendo “é assim que você vai pagar essa dívida”.

A vítima relatou também que depois que o traficante soube que seu marido havia acionado a polícia, o estuprador buscou ajuda com sua sobrinha e o marido dela para resolverem a situação e o cumplice a ameaçou com uma arma de fogo e resolveu mandar a companheira acompanhá-la na delegacia para desmentir a versão do sequestro.

Em posse das informações repassadas pela vítima e seu companheiro, a mulher que acompanhou a vítima à delegacia recebeu voz de prisão em flagrante e o delegado e os investigadores foram ao encalço dos demais envolvidos, os quais foram localizados e presos em flagrante.

Ouvidos todos envolvidos, o delegado lavrou o flagrante de um homem de 34 anos pela prática dos crimes de sequestro, associação criminosa e estupro, de outro homem de 40 anos pelos crimes de sequestro e associação criminosa e da mulher de 26 anos pelos delitos de sequestro e associação criminosa.


 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp