MENU

11/01/2022 às 10h02min - Atualizada em 11/01/2022 às 10h02min

​Mato toma conta de trevos e oferece risco de acidentes em Santo Antônio da Platina

Motoristas também reclamam de buracos e ondulações no asfalto

Luiz Guilherme Bannwart / Tanosite
Gustavo Bannwart - Portal Tá no Site
Com o fim da cobrança do pedágio no Paraná em novembro de 2021, os reflexos da falta de manutenção já podem ser facilmente percebidos nas rodovias do estado. Em Santo Antônio da Platina – Norte Pioneiro, o mato alto tomou conta dos trevos e acostamentos na BR-153, oferecendo risco iminente de acidentes.

Outra reclamação constante refere-se às condições precárias na malha asfáltica, que também apresenta buracos e ondulações que podem resultar em danos nos veículos e também provocar acidentes.

A manutenção da rodovia ficava a cargo da Triunfo Econorte, que com o fim da concessão das praças de pedágios na região deixou de prestar o serviço. Em acordo firmado com o Governo do Paraná em razão de obras não concluídas, a concessionária manteve apenas os serviços se socorro, ficando a cargo do governo estadual os serviços de roçagem e recuperação asfáltica.

Procurado pela reportagem, o secretário municipal de Obras de Santo Antônio da Platina, Everton José Panigada, informou que nesta terça-feira (11) irá cobrar o governo estadual, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR). “Os serviços de capina e roçagem e tapa-buracos foram paralisados e a falta de manutenção realmente preocupa e oferece risco à população. Entraremos em contado com o governo estadual nesta terça-feira, e caso não tenhamos resposta buscaremos alternativa por meios próprios para solucionar o problema”, disse Panigada.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se as eleições fossem hoje, em quem você votaria para presidente do Brasil?

73.3%
17.9%
1.4%
0.7%
0.7%
2.0%
0.3%
0.3%
0.3%
0.3%
2.7%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp