MENU

22/03/2022 às 18h03min - Atualizada em 23/03/2022 às 00h00min

Dia Mundial da Água: conheça o trabalho das equipes da Copel que cuidam desse patrimônio

Neste Dia Mundial da Água, 22 de março, a Copel presta uma homenagem às equipes que se dedicam a cuidar dos recursos hídricos e são preparadas para enfrentar os desafios que as mudanças climáticas têm trazido aos agentes de geração de energia e abastecimento público de água

AEN
https://www.aen.pr.gov.br/Noticia/Dia-Mundial-da-Agua-conheca-o-trabalho-das-equipes-da-Copel-que-cuidam-desse-patrimonio


Dia Mundial da Água: conheça o trabalho das equipes da Copel que cuidam desse patrimônio


Paulo Roberto …
ter, 22/03/2022 - 18:03

22/03/2022 - 18:20


As equipes se dedicam a cuidar dos recursos hídricos e são preparadas para enfrentar os desafios que as mudanças climáticas têm trazido aos agentes de geração de energia e abastecimento público de água.


Neste Dia Mundial da Água, 22 de março, a Copel presta uma homenagem às equipes que se dedicam a cuidar dos recursos hídricos e são preparadas para enfrentar os desafios que as mudanças climáticas têm trazido aos agentes de geração de energia e abastecimento público de água.



Na década de 1980, a Copel criou a Divisão de Gerenciamento de Recursos Hídricos, com profissionais que tinham a missão de fazer cálculos de balanço hídrico para subsidiar as decisões relativas à operação do principal reservatório da Companhia, o Foz do Areia. Naquela época, os cálculos eram realizados diariamente, de forma manual, para medir possíveis vertimentos e rebaixamentos no nível de água da represa. Este conhecimento construído no passado serviu de base para o desenvolvimento dos softwares usados pela empresa atualmente.



Uma das mais importantes atribuições dessa divisão é a criação de regras de operação para os reservatórios, considerando a necessidade do bom convívio com os demais usuários de recursos hídricos em cada bacia hidrográfica onde mantém barragens de usinas. Em determinadas situações, esse trabalho de planejamento e gestão pôde, inclusive, propiciar condições melhores do que aquelas que ocorreriam naturalmente no rio, amenizando os efeitos de secas ou cheias severas.





Hoje, a Copel conta com mais de 60 estações hidrométricas de medição de nível de água (em rios e reservatórios) e cerca de 100 de medição de chuva. O volume de dados e informações gerados nessa rede de monitoramento confere segurança à tomada de decisões estratégicas nas rotinas de operação das usinas, além de contribuir para a atuação das equipes de projeto e execução de obras, de segurança de barragens, de planejamento e programação de geração, de comercialização de energia.



Os dados de campo chegam de hora em hora e são disponibilizados à equipe de operação em tempo real do Centro de Operações de Geração e Transmissão (COGT) localizado em Curitiba. Como essas informações são relevantes para a sociedade e para a administração pública, também são disponibilizadas na internet, no Monitoramento Hidrológico.



Com volume de cerca de 11.520 dados automáticos coletados por dia, a Copel mantém informações históricas das bacias hidrográficas em que atua. Em alguns casos, a série foi iniciada em 1931. Dispondo de todo esse conhecimento e de técnico especializado, a empresa está representada nos fóruns de gestão e discussão sobre o tema recursos hídricos do Estado e do País.





QUALIDADE, ALÉM DA QUANTIDADE – Outra atividade muito relevante promovida pela Copel é o monitoramento da qualidade da água dos reservatórios das usinas. Cabe à equipe da Divisão de Meio Físico e Fauna a avaliação das condições do corpo hídrico na área de influência dos empreendimentos de geração hidrelétrica para garantir a conformidade legal e as condições adequadas para o uso múltiplos da água.



Atualmente, a Copel conta com 41 estações de monitoramento em 18 empreendimentos de geração, sendo 18 estações classificadas como estações de rio (montante ou jusante dos reservatórios) e 23 estações no corpo do reservatório. São monitorados parâmetros físico-químicos, além da caracterização das comunidades de fitoplâncton (organismos aquáticos microscópicos que vivem dispersos flutuando na água) em cada local.





Os resultados do monitoramento compõem três índices: IQA – Índice da Qualidade da Água; IET – Índice de Estado Trófico; e IQAR – índice da Qualidade da Água de Reservatórios. Todos os dados do monitoramento alimentam o Sistema de Gestão da Qualidade da Água, software criado pela empresa para o gerenciamento dessa atividade e das informações obtidas em campo. Os resultados dos estudos são apresentados para os órgãos ambientais em relatórios anuais.



Essas práticas integram o rol de ações da Copel que contribuem para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU). Neste caso, em especial para o objetivo 6, que trata da disponibilidade e manejo sustentável da água e saneamento para todos.
















Fonte: https://www.aen.pr.gov.br/Noticia/Dia-Mundial-da-Agua-conheca-o-trabalho-das-equipes-da-Copel-que-cuidam-desse-patrimonio
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se as eleições fossem hoje, em quem você votaria para presidente do Brasil?

76.0%
16.0%
1.3%
0.8%
0.5%
1.9%
0.3%
0.3%
0.3%
0.5%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp