MENU

28/04/2022 às 11h39min - Atualizada em 28/04/2022 às 11h39min

​Pepe Gonçalves é medalha de ouro no Aberto de Tacen, na Eslovênia

surtoolimpico.com.br
Bence Vekassy/PlanetCanoe
O slalon extremo entra no programa olímpico em Paris-2024 e é uma das especialidades de Pepe, que já foi campeão pan-americano da prova. Ana Sátila também foi destaque na competição.

Os canoístas brasileiros Ana Sátila e Pepe Gonçalves saíram deste domingo (24), do Aberto de Tacen, na Eslovênia, com uma medalha de ouro cada. Ela ganhou na categoria C1 e no caiaque extremo, disputada na canoa e ele levou o título apenas no extremo.

O extremo entra no programa olímpico em Paris-2024 e é uma das especialidades de Pepe, que já foi campeão pan-americano da prova. Essa modalidade é disputada em baterias, como uma corrida entre quatro atletas. Antes, se faz uma tomada de tempo para o balizamento de cada canoísta.

Foi o que aconteceu neste domingo, quando o brasileiro de Piraju foi o mais rápido e venceu todas as baterias depois. No feminino, Ana foi a terceira na tomada de tempo mas, na final, foi a mais rápida e garantiu seu segundo título no evento.

O primeiro foi no C1, onde mesmo cometendo duas penalidades na última descida, ela conseguiu ficar quatro segundo a frente da segunda colocada e fez o tempo total de 113.63, somando as quatro descidas. Ela ainda foi sétima colocada no K1.

Essa foi a primeira competição internacional dos atletas brasileiros, que voltaram a ser treinados pelo italiano Ettore Vivaldi. A etapa de competições europeias faz parte da preparação dos atletas para a temporada 2022.


 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se as eleições fossem hoje, em quem você votaria para presidente do Brasil?

73.9%
18.0%
1.4%
0.4%
0.7%
1.8%
0.4%
0.4%
0.4%
0.4%
2.5%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp