08/06/2022 às 17h57min - Atualizada em 09/06/2022 às 00h00min

Região turística Corredores das Águas é segmentada para fortalecer o potencial Noroeste

A região turística Corredores das Águas, polarizada por Maringá, no Noroeste do Estado, foi segmentada em cinco regiões turísticas: Amenorte, Coripa e Comafen, Amusep, Paranavaí e Amerios. Cada uma contará com uma gerência, que ainda serão definidas

AEN
https://www.aen.pr.gov.br/Noticia/Regiao-turistica-Corredores-das-Aguas-e-segmentada-para-fortalecer-o-potencial-Noroeste


Região turística Corredores das Águas é segmentada para fortalecer o potencial Noroeste


Paulo Roberto …
qua, 08/06/2022 - 17:57

08/06/2022 - 18:00


Agora, ela se subdivide em cinco regiões: Amenorte, Coripa e Comafen, Amusep, Paranavaí e Amerios. A Corredores das Águas é a maior região turística do Paraná e uma das maiores do Brasil.


A região turística Corredores das Águas, polarizada por Maringá, no Noroeste do Estado, foi segmentada em cinco regiões turísticas: Amenorte, Coripa e Comafen, Amusep, Paranavaí e Amerios. Cada uma contará com uma gerência, que ainda serão definidas. O desmembramento aconteceu durante o 1º Encontro das Novas Regiões Turísticas de Maringá, nesta semana.



O evento foi organizado pela Paraná Turismo, com apoio da Rede de Turismo Regional (Retur), Prefeitura de Maringá, Amusep e Ministério do Turismo.



A Corredores das Águas é a maior região turística do Paraná e uma das maiores do Brasil. A segmentação, segundo o diretor-presidente da Paraná Turismo, Irapuan Cortes, é fundamental para atuar com mais atenção às demandas locais. “Esse desmembramento é importante para garantir a regionalização e para que o Estado possa entender a demanda da região e promover um turismo mais fortalecido”, disse.





A região surgiu de um projeto desenvolvido pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) no período de 2002 a 2004. Esse projeto formou pessoas com olhar turístico nas possíveis oportunidades dos rios Paraná e Paranapanema, para atuarem como agentes de desenvolvimento do setor.



A riqueza dessa região provém, principalmente, da agroindústria, grandes confecções e shoppings de atacado. As diversas cooperativas formadas para o cultivo e processamento de grãos e a criação do bicho-da-seda deixam suas marcas na paisagem local.



É de clima tropical úmido e verões quentes, propiciando alternativas de lazer, pousadas rurais, atividades náuticas e pesqueiras, com inúmeras possibilidades de aventura e ecoturismo, às margens ou nos caudalosos rios Paraná, Paranapanema, Ivaí e Piquiri.





SEGMENTAÇÃO – Segundo a presidente da Rede de Turismo Regional da Região Corredores das Águas, Wanda Pille, é uma oportunidade ainda maior de adaptação e compreensão das potencialidades da região. “Agora os atrativos turísticos que já eram trabalhados através de núcleos se transformam efetivamente em novas regiões turísticas”, disse.



Para o secretário de Inovação e Turismo de Maringá, Marcos Cordiolli, é um benefício ainda maior para as políticas de turismo da região. “Temos trabalhado com os municípios do entorno, envolvendo o turismo rural, diversas propriedades e rotas, inclusive com as ciclorotas”, destacou.





Ana Carla Fernandes Moura, coordenadora-geral de Áreas Estratégicas para o Desenvolvimento Turístico, do Ministério do Turismo, elogiou a iniciativa do Estado do Paraná. “Isso é importante, uma vez que vemos a vontade dos gestores em querer receber cada vez mais orientações técnicas para alavancar o turismo nas suas regiões. Vimos a vontade do Paraná em avançar no turismo, gerar emprego, renda, e melhorar a qualidade de vida das comunidades”, afirmou.
















Fonte: https://www.aen.pr.gov.br/Noticia/Regiao-turistica-Corredores-das-Aguas-e-segmentada-para-fortalecer-o-potencial-Noroeste
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp