08/10/2022 às 17h44min - Atualizada em 09/10/2022 às 00h00min

Lei de segurança nacional condena adolescentes em Hong Kong pela primeira vez

Quatro adolescentes, de 16 e 17 anos, foram acusados de 'conspiração para incitar à subversão' via legislação imposta pela China após os protestos maciços em defesa da democracia em 2019.

G1 Mundo
https://g1.globo.com/mundo/noticia/2022/10/08/lei-de-seguranca-nacional-condena-adolescentes-em-hong-kong-pela-primeira-vez.ghtml



Quatro adolescentes, de 16 e 17 anos, foram acusados de 'conspiração para incitar à subversão' via legislação imposta pela China após os protestos maciços em defesa da democracia em 2019. Estudantes da Universidade chinesa de Hong Kong (CUHK) seguram os nomes de 12 detidos na China durante protesto em 19 de novembro de 2020
Sharon Tam/Reuters
Os primeiros menores de idade condenados em Hong Kong em aplicação da lei de segurança nacional foram levados neste sábado (8) para um centro de detenção. Os jovens foram punidos por incentivarem a derrubada do governo chinês, de acordo com a justiça local.
Quatro adolescentes, de 16 e 17 anos, faziam parte de um grupo independentista pouco conhecido chamado "Returning Valiant", que, no ano passado, defendia um levante violento contra a China, segundo o tribunal.
Os jovens foram acusados de "conspiração para incitar à subversão" em virtude de uma lei de segurança nacional imposta por Pequim para acabar com a dissidência após os protestos maciços, e às vezes violentos, em defesa da democracia em 2019.
SAIBA MAIS: Protestos em Hong Kong - explicados em 3 minutos
Entenda como e por que os protestos de Hong Kong ganharam força
O juiz Kwok Wai-kin disse neste sábado (8) que as mensagens dos jovens poderiam incentivar os manifestantes pacíficos a agir com violência, mas admitiu que não havia provas concretas disso.
Os quatro adolescentes, cujos nomes não serão informados por serem menores de idade, se declararam culpados no mês passado, junto com outro acusado, Kwok Man-hei, de 19 anos.
Os cinco foram condenados a uma pena de três anos em um centro de formação, um estabelecimento dedicado à ressocialização para jovens de 14 a 20 anos.
O movimento pró-democrático, que chegou a mobilizar grande parte da população de Hong Kong, foi sufocado pela lei de segurança nacional e acusações de crime de sedição.
LEIA TAMBÉM: Autores são condenados em Hong Kong por "conspiração" após publicação de livros infantis
Mais de 200 pessoas foram detidas em virtude dessa lei e cerca de 130 foram denunciadas formalmente, em sua maioria por suas opiniões ou discursos políticos.
Outros integrantes da Returning Valiant estão sendo processados por um suposto plano para utilizar uma bomba, já que a polícia os acusa de tentativa de fabricação de um explosivo potente.

Replicado material do portal G1 via RSS



Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2022/10/08/lei-de-seguranca-nacional-condena-adolescentes-em-hong-kong-pela-primeira-vez.ghtml
Link
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp