24/10/2022 às 18h56min - Atualizada em 25/10/2022 às 00h03min

Organizações Trump podem chamar ex-diretor financeiro de mentiroso em julgamento por fraude fiscal

Ex-diretor financeiro já afirmou que ajudou a fraudar autoridades fiscais por 15 anos.

G1 Mundo
https://g1.globo.com/mundo/noticia/2022/10/24/organizacoes-trump-podem-chamar-ex-diretor-financeiro-de-mentiroso-em-julgamento-por-fraude-fiscal.ghtml



Ex-diretor financeiro já afirmou que ajudou a fraudar autoridades fiscais por 15 anos. Sede das organizações Trump em Nova York
Shannon Stapleton/Reuters
A seleção do júri começou nesta segunda-feira (24) para o julgamento da empresa do ex-presidente dos Estados Donald Trump por fraude fiscal. As Organizações Trump devem acusar o homem que foi diretor financeiro durante muitos anos de mentir em um caso no qual a empresa é acusada de conceder benefícios "não contabilizados" a alguns altos executivos.
O julgamento criminal em um tribunal estadual de Nova York é um dos problemas legais para Trump, já que ele considera outra candidatura à presidência em 2024. A procuradoria distrital de Manhattan indiciou no ano passado a empresa imobiliária que leva o nome de Trump e seu então diretor financeiro, Allen Weisselberg.
Em agosto, Weisselberg se declarou culpado por ajudar a empresa a fraudar autoridades fiscais por 15 anos, em um acordo com promotores que exige que ele deponha neste julgamento. As acusações às quais Weisselberg se declarou culpado incluíam furto e fraude fiscal, e ele admitiu ocultar US$ 1,76 milhão em renda.
Weisselberg, considerado a principal testemunha da acusação, deve depor junto com o controlador da empresa, Jeffrey McConney.
Susan Necheles, advogada das Organizações Trump, disse em uma audiência virtual na semana passada que contestar a admissão de Weisselberg de que ele escondeu informações dos contadores seria parte da defesa da empresa, de acordo com uma transcrição do processo mantida em sigilo, e que mais tarde foi revelada.
"Weisselberg vai testemunhar que acreditava que tudo o que estava fazendo estava errado", disse Necheles durante a videoconferência. "Achamos que ele está mentindo e queremos mostrar isso."
Necheles disse que Weisselberg e McConney confiaram em contadores externos "que os levaram a acreditar que certas coisas foram feitas corretamente".
Donald Trump e três filhos dele são processado por fraude nos EUA
O processo de escolha do júri começou com o juiz Juan Merchan presidindo o julgamento em Manhattan e que, segundo ele, deve durar seis semanas. O juiz disse informou mais de 100 jurados em potencial sobre as acusações, sobre o fato de que os réus se declararam inocentes e de que a prova de culpa para além de qualquer dúvida razoável seria necessária para a condenação.
O juiz também pediu que qualquer jurado em potencial se manifeste caso não se sinta apto a servir no julgamento.
Advogados de ambos os lados têm a oportunidade de questionar jurados em potencial, que podem ser perguntados sobre se sentem que podem decidir o caso de forma imparcial, e sobre suas opiniões pessoais sobre Trump, um empresário republicano que se tornou político e que alcançou a fama décadas atrás na cidade mais populosa dos EUA. A cidade de Nova York é fortemente inclinada ao Partido Democrata. 
As Organizações Trump, que operam hotéis, campos de golfe e outros imóveis em todo o mundo, podem enfrentar multas de até 1,6 milhão de dólares em três acusações de fraude fiscal e por outras seis acusações que enfrenta. A empresa se declarou inocente. Trump não é acusado no caso.
Veja os vídeos mais assistidos do g1

Replicado material do portal G1 via RSS



Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2022/10/24/organizacoes-trump-podem-chamar-ex-diretor-financeiro-de-mentiroso-em-julgamento-por-fraude-fiscal.ghtml
Link
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp