MENU

23/04/2020 às 09h15min - Atualizada em 23/04/2020 às 09h15min

​Kays Ruiz-Atil: o “novo Messi” do PSG que está no radar de Barcelona e Chelsea

Onefootball
Getty Images
'O novo Messi'. Essa é uma descrição que se tornou uma maldição para muitos jovens jogadores de futebol ao longo da última década, já que a maioria deles acaba falhando ao ser comparado ao grande argentino.

Kays Ruiz-Atil foi o mais recente prodígio de La Masia a ser taxado como tal, à medida que progredia rapidamente entre os jovens do Barcelona, ​​graças à sua atuação como meia-atacante.

No entanto, seu sonho de vestir a camisa do primeiro time do Barça terminou em 2014, quando ele foi liberado, juntamente com vários outros jovens, depois que o clube catalão violou os regulamentos da FIFA sobre a transferência de jogadores com menos de 18 anos.

Então, o PSG agradeceu e foi buscar o jovem francês. Agora, um retorno à Catalunha pode acontecer em um futuro não muito distante.

Nascido em Lyon, Ruiz-Atil iniciou sua trajetória no futebol aos quatro anos de idade, no clube local FC Gerland, onde seu pai trabalhava como treinador. Ele também passou pouco tempo no Lyon, e com apenas sete anos, recebeu uma oferta do Barcelona.

"Sim, sim, o verdadeiro Barcelona - aquele com a camisa listrada que faz você sonhar tanto", lembrou Ruiz-Atil em entrevista ao Le Parisien, no meio de 2019. "Além da ótima educação que obtive em La Masia, tenho a chance de falar espanhol fluentemente”.

"Aos 16 anos, percebo que é uma oportunidade preciosa seguir adiante em minha carreira no futebol, que espero que seja a melhor possível".

Ruiz-Atil claramente tem uma boa cabeça. Além de ser comparado a Messi, ele também foi contratado pela Adidas antes do seu 13º aniversário, o que normalmente seria suficiente para convencer qualquer jovem de que já havia feito o suficiente para ser bem sucedido.

No entanto, quando foi dispensado após a proibição de transferência do Barça, ele foi forçado a se recompor e começar tudo de novo em um novo clube.

E foi justamente o que ele fez, tornando-se o jogador mais jovem a assinar um contrato profissional com o PSG, cinco dias após completar 16 anos.

Com seu futuro garantido, Ruiz-Atil jogou regularmente no time sub-19 do PSG, sob o comando de Thiago Motta, durante a temporada 2018/19. Porém, suas oportunidades diminuiram na campanha atual, com Stephane Roche assumindo as funções de treinador.

Ele jogou apenas 10 partidas da liga em 2019/20, com fontes de dentro do clube dizendo à Goal: 

"Foi uma temporada com altos e baixos, mas Kays manteve o foco em seus objetivos. Ele teve um desempenho fraco por várias semanas, mas continuou trabalhando duro. Ele jogou o seu melhor depois de não começar várias partidas em novembro".

O ponto alto de sua trajetória foi em fevereiro, quando ele enfrentou o Lyon, que foi seu clube em 16 jogos na Coupe Gambardella - competição nacional francesa sub-19.

Ruiz-Atil mantém um carinho especial pelo Lyon - ele cita Karim Benzema como seu ídolo do futebol -, que foi demonstrado com um belo gol, em cobrança direta de falta, e duas assistências na vitória do Paris por 5x1.

Com a paralisaçã do futebol apenas semanas depois, esse desempenho do meio-campista não poderia ter vindo em melhor hora, dadas as suas aspirações de avançar.

O contrato do jogador de 17 anos vai até o meio de 2021, mas, após duas temporadas completas com a equipe sub-19, Ruiz-Atil acredita que está pronto para dar o próximo passo e treinar regularmente com o time titular.

Quem toma tais decisões não tem tanta certeza, no entanto, pois há a sensação de que o jovem ainda não está "fisicamente preparado" para ganhar tal promoção.

Ruiz-Atil certamente parece ter levado isso a sério, com o isolamento forçado pela pandemia lhe dando tempo para um treinamento baseado na força, na esperança de que ele chame a atenção quando retornar ao campo de treinamento.

Se não lhe for oferecida a oportunidade de trabalhar ao lado de Neymar e Kylian Mbappe diariamente, então uma mudança para o exterior provavelmente será considerada.

Como trazido pela Goal em janeiro, Claude Makelele tem impulsionado o interesse do Chelsea pelo jovem francês, enquanto relatórios na Espanha sugerem que o Barça pode até estar interessado em levá-lo de volta para o lugar que ele chamou de lar por cinco anos.

De qualquer forma, este "novo Messi" parece estar pronto para uma carreira promissora, onde quer que chegue a sua primeira oportunidade de jogar no futebol profissional.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp