MENU

29/10/2020 às 12h13min - Atualizada em 29/10/2020 às 12h13min

Programa Casa Fácil garante moradia a mais 56 famílias de Cambará

Investimento por parte da Cohapar é de R$ 5,1 milhões e permite ao Estado reduzir custos aos beneficiários. Entre as vantagens ofertadas estão a isenção de cobrança de valor de entrada, juros reduzidos de financiamento e parcelamento em até 30 anos

Agência Estadual de Notícias
Agência Estadual de Notícias
Lá de baixo do morro, de um dos acessos a Cambará, cidade com mais de 25 mil habitantes no Norte Pioneiro, é possível ver o conjunto de 56 casas populares subindo de pouquinho em pouquinho. O local vai abrigar, a partir de fevereiro de 2021, famílias paranaenses com renda de até seis salários mínimos, todas cadastradas no programa Casa Fácil Paraná, do Governo do Estado.

O investimento, com recursos da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) é de R$ 5,1 milhões. A operação, com financiamento próprio, permite ao Estado reduzir os custos aos beneficiários. Entre as vantagens ofertadas estão a isenção de cobrança de valor de entrada, juros reduzidos de financiamento e parcelamento em até 30 anos.

“Temos compromisso com a habitação popular, com projetos que buscam atender a população mais carente de todas as regiões do Estado”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior. “O objetivo é garantir dignidade e qualidade de vida para os paranaenses. Esses empreendimentos habitacionais possuem uma estrutura completa para que as pessoas possam viver com qualidade”, completa.

O governador destaca que o convênio prevê, ainda, a instalação dos padrões de energia e a ligação das redes de água e esgoto sem custo pela Copel e Sanepar. Além disso, o condomínio contará com projeto de paisagismo, que inclui o plantio de grama e árvores, e ações de infraestrutura, como a construção de calçadas e a pavimentação com asfalto. “Vamos investir muito em habitação”, destaca Ratinho Junior.

Presidente da Cohapar, Jorge Lange ressalta que a política de fortalecimento das parcerias com a União, prefeituras e a iniciativa privada faz parte da estratégia adotada pelo Estado para ampliar investimentos em habitação de interesse social, mesmo em um cenário econômico desafiador decorrente da pandemia do novo coronavírus.

Por meio do programa Casa Fácil, diz, o governo pretende atender a todos os paranaenses, desde as pessoas com menos condições até aquelas que podem pagar as parcelas da casa própria.

De acordo com a Cohapar, o projeto tem atualmente 1.481 unidades contratadas no Estado, em 29 municípios diferentes. Dessas, 1.417 estão em construção e outras 64 foram entregues. O investimento total é de R$ 113 milhões. “Essas famílias vão ganhar mais dignidade e qualidade de vida através deste grande investimento do Governo do Estado”, reforça Lange.

NORTE PIONEIRO – Segundo o coordenador regional da Cohapar no Norte Pioneiro, Michael Faleiros, além Cambará há projetos semelhantes do Casa Fácil em Jacarezinho (48 casas) e Figueira (47 casas). No total, as três ações somam mais de R$ 13 milhões de investimentos estaduais para a região.

“O governador Ratinho Junior tem dedicado uma atenção especial para a questão da habitação no Norte Pioneiro. O Casa Fácil é realmente um programa acessível para as famílias mais vulneráveis, que não têm condição de adiantar um valor para a entrada do imóvel”, explica.

Além das unidades habitacionais financiadas pela Cohapar, está em andamento o projeto de um condomínio com 40 moradias para idosos de Cornélio Procópio, que serão cedidas pelo Governo do Estado em um sistema de aluguel social para pessoas acima de 60 anos.

NOSSA GENTE - Já em Wenceslau Braz estão sendo construídas 97 imóveis do programa Nossa Gente Paraná, com investimento de R$ 8,9 milhões. Coordenado pela Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, o projeto prevê o atendimento de pessoas em situação de vulnerabilidade social, que receberão os imóveis de graça.

COMO PARTICIPAR – Os interessados em adquirir um dos imóveis com financiamento direto com a companhia devem se inscrever no cadastro de pretendentes da empresa, disponível no site www.cohapar.pr.gov.br/cadastro.

Quem já possui cadastro no sistema da companhia nos últimos dois anos está automaticamente habilitado a participar do processo. É necessário, porém, atualizar dados como renda e estado civil, caso tenham ocorrido mudanças desde a realização da inscrição.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp