MENU

24/11/2020 às 09h38min - Atualizada em 24/11/2020 às 11h10min

É seguro treinar Krav Maga na pandemia

A Federação Sul Americana de Krav Maga garante a dinâmica das aulas de forma segura e adaptada ao distanciamento social

SALA DA NOTÍCIA Roberta
A pandemia de COVID-19 ainda não acabou e, mais do que nunca, manter o corpo ativo e saudável é muito importante no reforço à imunologia. Pensando nisso, a Federação Sul Americana de Krav Maga vem retomando os treinamentos presenciais, obedecendo às determinações dos órgãos responsáveis, governadores e prefeitos.
Segundo explica o presidente da entidade e introdutor da modalidade na América Latina, Grão Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-vermelha – 8º Dan), os fundamentos do Krav Maga, exatamente como foram criados em Israel, na década de 40, por Imi Lichtenfeld, trazem benefícios aos praticantes, como o aumento do controle emocional e da autoconfiança. “Além do fator físico, o Krav Maga trabalho o fator psicológico que vai atuar no momento de estresse, seja em caso de violência ou mesmo no caso da pandemia”, explica Grão Mestre Kobi.

Por que retomar os treinos presenciais?
O Krav Maga é uma arte de defesa pessoal e não um esporte. A prática dessa atividade precisa ser orientada por profissionais habilitados, para que o aluno seja adequadamente preparado para o caso de uma situação de violência. “Nas aulas presenciais, os detalhes de cada movimento são acertados cuidadosamente e repetidos muitas vezes até a perfeição, pois é no detalhe que a defesa acontece”, explica Grão mestre Kobi.
Além disso, é o ambiente do treinamento que vai promover o estresse necessário para que, no caso real de violência, o praticante consiga vencer seus bloqueios e se defender com controle e assertividade.

É seguro treinar na academia?
Em qualquer academia onde os instrutores da Federação Sul Americana de Krav Maga atuam, seja no Brasil, Argentina, México, Portugal ou Canadá, os protocolos de segurança adotados são os mesmos.
Além de respeitar as normas municipais, estaduais e federais, a Federação foi buscar informação de segurança junto à OMS e em Israel, seu país de origem, para ir além quanto aos procedimentos adotados, visando a segurança dos alunos.
Dessa forma, algumas adaptações foram necessárias nesse retorno para garantir a segurança e a saúde dos praticantes. Entre elas estão a total atenção à higienização e desinfecção do tatame, dos equipamentos e das próprias instalações das academias, menor número de alunos por turma, uso obrigatório de máscaras e o distanciamento entre as pessoas durante a aula.

É possível treinar Krav Maga com distanciamento social?
O Krav Maga é uma atividade de contato. Com a necessidade do distanciamento, é possível treinar fundamentos importantes que dão suporte às técnicas propriamente ditas, como o foco, a lateralidade, o equilíbrio, a disciplina, além de força e resistência.
“As aulas continuam dinâmicas e o tipo de treinamento que está sendo feito nesse período é importante para que o aluno mantenha seu corpo e sua mente ativos para quando for possível o retorno das atividades sem restrições”, afirma Grão Mestre Kobi.
Para agendar uma aula experimental e saber mais sobre o Krav Maga e o funcionamento dos treinos, entre em contato com o Instrutor habilitado e responsável pela academia mais próxima. Consulte os endereços: www.kravmaga.com.br

Sobre a Federação Sul Americana de Krav Maga – é a única representante oficial da modalidade no Brasil, onde detém a marca Krav Maga. Também conta com representação no México, Argentina, Canadá e Portugal. É presidida por Grão Mestre Kobi Lichtenstein, aluno direto do criador do Krav Maga, Imi Lichtenfeld. Em 2020, Grão Mestre Kobi comemora 30 anos à frente do Krav Maga na América Latina.

Federação Sul Americana de Krav Maga: www.kravmaga.com.br
Facebook: @mestrekobikravmaga
Instagram: @kravmaga_mestrekobi
Twitter: @KravMagaKobi
Youtube: Krav Maga das Américas
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp