MENU

01/12/2020 às 20h06min - Atualizada em 01/12/2020 às 20h06min

​“Uniformes escolares acabaram com a distinção entre alunos”, frisa Mario

Investimento chegou ao total de R$ 789,9, após a soma da verba empregada em 2018 (R$ 245,4 mil), 2019 (R$ 271,4) e 2020 (R$ 273.1)

Assessoria
Divulgação
Alunos de toda Rede Pública Municipal de Ribeirão Claro e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) começaram a receber os uniformes escolares pelo terceiro ano consecutivo. O programa de distribuição do material foi iniciado em 2018 pela secretaria de Educação e Cultura, com a autorização do prefeito Mario Augusto Pereira. Para tornar o projeto realidade foram investidos esse ano R$ 271,4 mil em recursos próprios. Entre 2018 e 2020 já foram investidos R$ 789,9 mil.

O chefe do executivo e a secretária de Educação e Cultura, Maria Cristina Silva estiveram na manhã de hoje (1º) na Escola Municipal Correia Defreitas, entregando os uniformes a algumas mães. Também está aberto o período de matrículas escolares para 2021. Após a conclusão da matrícula, o pai ou responsável já recebe o kit contendo calça, camiseta, shorts ou shorts-saia, meias, tênis e agasalho.

Devido à pandemia de coronavírus, o trabalho está sendo feito com todo cuidado para preservar a saúde de servidores e pais. É obrigatório o uso de máscara no interior das escolas e foram disponibilizados recipientes com álcool gel nos locais de distribuição.

O prefeito Mario Pereira lembrou que a motivação para a elaboração do que hoje é uma das principais conquistas de sua administração foi acabar com a desigualdade entre alunos de diferentes classes sociais. “Sempre via as crianças chegando à escola, algumas usando shorts e chinelo, mesmo durante o inverno”, lembrou. “Isso cortou meu coração e decidi junto com minha esposa Ana iniciar esse projeto que hoje é uma realidade e já ajudou milhares de alunos”, concluiu.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp