MENU

14/01/2021 às 16h26min - Atualizada em 18/01/2021 às 17h20min

Airsoft: Conheça os diferentes tipos de armas usadas nesse esporte

Armas de pressão são usadas para diferentes atividades e contam com sistemas variados

SALA DA NOTÍCIA Débora Ramos

Muito usadas na prática de esportes e jogos, as armas de pressão contam com um sistema diferente das armas convencionais, que usam cartuchos explosivos para garantir seu funcionamento. Entre as armas de pressão mais conhecidas estão pistolas, carabinas e revólveres, que usam variados sistemas propulsores para o lançamento de projéteis de baixa energia.

Esse tipo de equipamento é normalmente usado para a caça de pequenos animais, como coelhos e pássaros, em locais onde esse tipo de atividade é permitida. O tiro esportivo e ao alvo é outra atividade recorrente com o uso de armas de pressão, sendo o Papel 10 m, o  uso de alvos metálicos e a simulação de caçada as três modalidades mais apreciadas pelos usuários. Muitas pessoas também adquirem esse tipo de arma para compor coleções, não fazendo o uso prático.

As armas possuem diferentes tipos de propulsão, sendo um deles PCPs. O nome vem do inglês pre-charged pneumatics, ou pressão pré-carregada, e, neste caso, ela conta com um tanque de ar comprimido, que é enchido com compressores de ar comuns ou bomba manual. É o tipo de arma utilizado em competições olímpicas. São famosas pela precisão e potência.

Um outro tipo conhecido são as armas pré-carregadas que utilizam gás CO2 comprimido, ao invés de ar atmosférico comprimido. Elas costumam ser muito realistas, sendo ótimas para compor coleções. Apesar disso, não são indicadas para competições desportivas, porque a arma perde pressão conforme o gás é utilizado. Também existem as que geram pressão interna, através de uma mola helicoidal, ou por meio de um pistão a gás. Um dos maiores pontos positivos das armas nesta categoria é a facilidade de uso, com uma simplicidade mecânica que facilita diferentes modificações, que trazem benefícios na estabilidade e poder de disparo.

No Brasil, a carabina de pressão, também conhecida como espingarda de pressão, é um dos modelos de armas de pressão mais comuns, geralmente sendo capaz de dar apenas um tiro a cada recarga.

De acordo com a Portaria nº 36-DMB, de 9 de dezembro de 1999 – norma que regula o comércio de armas e munições, aprovada pelo Ministério da Defesa e Exército Brasileiro –, armas de pressão por ação de mola, com calibre igual ou inferior a 6 mm, não são consideradas armas de fogo. Assim, este tipo de equipamento não necessita de registro para sua aquisição nem de guia de tráfego para transporte e deslocamento. Apesar disso, a comercialização das armas de pressão só é permitida a maiores de 18 anos com a devida comprovação.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp