MENU

02/06/2021 às 16h45min - Atualizada em 02/06/2021 às 16h45min

​Prefeituras decidem iniciar vacinação de população sem comorbidades, a partir dos 59 anos

Assessoria - AMP
Divulgação
As prefeituras do Paraná decidiram iniciar a vacinação dos moradores sem comorbidades por idade, começando pelos 59 anos, paralelamente aos profissionais de educação e às pessoas com comorbidades.

A decisão foi tomada em webconferência promovida no final da tarde de ontem, em Curitiba, comandada pelo presidente da AMP (Associação dos Municípios do Paraná) e prefeito de Jesuítas, Júnior Weiller, com as participações do secretário estadual da Saúde, Beto Preto; do chefe da Casa Civil, Guto Silva; dos dirigentes das 19 associaçoes regionais de municípios do Estado; e do presidente do Cosems/PR (Conselho dos Secretários Municipais da Saúde do Paraná) e secretário municipal de saúde de Mangueirinha, Ivoliciano Leonarchik.

Júnior Weiller afirmou que as iniciativas do Governo do Estado em conjunto com os municípios são fundamentais para fortalecer o processo de vacinação. “Nosso objetivo é o mesmo: levar saúde e salvar vidas no Paraná”, comentou o presidente da AMP.

O Governo do Estado já aplicou 3.721.565 doses de vacinas, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. “Temos rapidamente descentralizado as doses para os municípios. O Estado não vacina ninguém, quem vacina é o município, com as suas equipes das secretarias de saúde”, afirmou Beto Preto.

O Plano Estadual de Vacinação já está contemplando grupos prioritários, com mais de 52% da sua população alvo para a primeira dose, representando 2.543.062, segundo o Vacinômetro do Sistema Único de Saúde (SUS).

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp