MENU

05/07/2021 às 15h30min - Atualizada em 05/07/2021 às 15h30min

​Brasil e Peru decidem vaga na final da Copa América nesta segunda

Embate às 20h, no Rio de Janeiro, reedita decisão de título de 2019

Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional
© Lucas Figueiredo/CBF/Direitos Reservados
Dezoito dias após se enfrentarem pela segunda rodada da Copa América, Brasil e Peru se reencontram nesta segunda-feira (5), às 20h (horário de Brasília), no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, para definirem o primeiro finalista da competição. O confronto reedita a decisão de 2019, vencida pelo escrete canarinho no Maracanã, também na capital carioca, por 3 a 1.

O roteiro de 2021 tem semelhanças com o de dois anos atrás. Na ocasião, Brasil e Peru também se enfrentaram na primeira fase e teve triunfo verde e amarelo por goleada (5 a 0 na Neo Química Arena, em São Paulo, ainda chamada de Arena Corinthians). Desta vez, os brasileiros aplicaram 4 a 0 nos peruanos, no mesmo palco onde estarão frente a frente nesta segunda. Os atacantes Neymar e Richarlison, o meia Everton Ribeiro e o lateral Alex Sandro fizeram os gols do time dirigido por Tite.

O Peru é o adversário que o treinador está mais acostumado a enfrentar. Dos 59 jogos no comando brasileiro, seis foram contra os peruanos, com cinco vitórias e uma derrota (1 a 0 em um amistoso disputado em 2019, nos Estados Unidos). Antes da Copa América, em outubro de 2020, as equipes duelaram pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 (que será no Catar), com triunfo canarinho por 4 a 2 na casa do adversário, em Lima.

"As duas equipes têm tradição de enfrentamento. Fizemos final, fase de grupos, Eliminatórias. Mas termina qualquer observação a partir daí, de prognóstico. Tudo é diferente, realidades, equipes e nível de exigência muito alto. Jogar melhor para passar, isso que queremos e o Peru também", afirmou Tite, em entrevista coletiva.

O técnico evitou confirmar a equipe que sairá jogando nesta segunda. São dois desfalques certos: Alex Sandro (lesão na coxa esquerda) e Gabriel Jesus (expulso na vitória por 1 a 0 sobre o Chile, pelas quartas de final). Renan Lodi é o substituto natural na lateral esquerda. Já para a vaga do atacante, a provável opção é o meia Lucas Paquetá, que entrou bem na partida diante dos chilenos, na última sexta-feira (2).

A provável escalação terá: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro, Fred e Lucas Paquetá; Richarlison, Neymar e Roberto Firmino.

Do lado adversário, o técnico Ricardo Gareca não terá o atacante André Carrillo, expulso no empate por 3 a 3 com o Paraguai, também na sexta passada, pelas quartas de final (a classificação veio nos pênaltis). Após estrearem sendo goleados pelo Brasil, os peruanos reagiram nos jogos seguintes da fase de grupos, batendo Colômbia (2 a 1) e Venezuela (1 a 0) e buscando o empate em 2 a 2 com o Equador.

Com dois gols, o atacante Gianluca Lapadulla, substituto de Paolo Guerrero (cortado por estar sem ritmo de jogo) no comando ofensivo, divide a artilharia da equipe na Copa América com Carrillo. O volante Yoshimar Yotún (ex-Vasco) e o meia Sérgio Peña, ambos com um gol, também balançaram as redes pela seleção alvirrubra.

Se mantiver a base das últimas formações, Gareca deve escalar: Pedro Gallese; Aldo Corzo, Alexander Callens, Luis Abran e Miguel Trauco; Renato Tapia, Yoshimar Yotún, Sérgio Peña e Cristian Cueva; Santiago Ormeño e Gianluca Lapadulla.

Quem avançar, encara na final o ganhador de Argentina e Colômbia, que se enfrentam nesta terça-feira (6), às 22h, no Mané Garrincha, em Brasília. A decisão será no sábado (10), às 21h, no Maracanã. O Brasil mira o décimo título de Copa América da história, sendo o sexto em solo nacional.


 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp