MENU

02/08/2021 às 10h05min - Atualizada em 02/08/2021 às 16h52min

'Todo mundo está sem acreditar no que aconteceu', diz namorado de estudante que morreu atropelada em Matinhos

Câmeras de segurança registraram atropelamento de Pâmela Vaz, de 22 anos, quando atravessava a Avenida Juscelino Kubitschek de bicicleta. Motorista foi preso nesta segunda-feira (2).

G1 - Norte, Nordeste PR
https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2021/08/02/esta-todo-mundo-sem-acreditar-no-que-aconteceu-diz-namorado-de-estudante-que-morreu-atropelada-em-matinhos.ghtml

Câmeras de segurança registraram atropelamento de Pâmela Vaz, de 22 anos, quando atravessava a Avenida Juscelino Kubitschek de bicicleta. Motorista foi preso nesta segunda-feira (2). Estudante morre atropelada em Matinhos e motorista deixa local sem prestar socorro
Amigos e familiares de Pâmela Vaz, de 22 anos, morta atropelada em Matinhos, no litoral do Paraná, não conseguem acreditar no que aconteceu com a estudante.
Ela foi atropelada por um carro quando atravessava a Avenida Juscelino Kubitschek com uma bicicleta na noite de sexta-feira (30). O motorista não parou para prestar socorro. Veja o vídeo acima.
"Ainda não caiu a ficha. Está todo mundo sem acreditar o que aconteceu com ela", afirmou o namorado de Pamela, Fabiano da Silva.
De acordo com ele, a jovem estava levando roupas do filho dela para uma babá, onde a criança passaria a noite, quando foi atropelada.
Pamela morreu atropelada quando atravessava uma avenida, em Matinhos
Arquivo pessoal
"Ela saiu de casa pra ir na baba pra levar umas roupinhas do filho dela, umas fraldas. Ele ia passar a noite lá, porque ela ia assistir as olimpíadas na minha casa. Só ia deixar essas coisas na babá e ia pra minha casa", disse.
Pâmela Vaz foi socorrida e levada para o Hospital Regional de Paranaguá, também no litoral, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada de sábado (31).
Ela era estudante de Licenciatura em Linguagem da Comunicação na Universidade Federal do Paraná (UFPR). A direção do campus do litoral da universidade emitiu uma nota de pesar pela morte da aluna.
"Ela era uma pessoa tão querida com todo mundo. Todo mundo gostava dela. Por onde ela passava, ela fazia amizades", lembrou o namorado.
Moradores da região afirmaram que o trecho tem acidentes com frequência e reclamaram da iluminação e da falta de sinalização no local.
A Polícia Civil prendeu o motorista responsável pelo acidente na manhã desta segunda-feira (2). Ele fugiu do local sem prestar socorro à vítima.
O suspeito foi encontrado depois dos policiais encontraram o carro dele. Segundo a Polícia Civil, ao ser preso, o homem confessou que atingiu Pâmela e que fugiu do local por medo.
A delegada responsável deve ouvir o suspeito na tarde desta segunda-feira. Ela complementou que não arbitrará fiança.
Estudante de 22 anos morreu atropelada em Matinhos
Reprodução/RPC
VÍDEOS: Mais assistidos do G1 PR
Veja mais notícias da região em G1 Paraná

Fonte: https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2021/08/02/esta-todo-mundo-sem-acreditar-no-que-aconteceu-diz-namorado-de-estudante-que-morreu-atropelada-em-matinhos.ghtml
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp