MENU

09/08/2021 às 22h47min - Atualizada em 10/08/2021 às 00h50min

Aulas presenciais entram no terceiro mês em Novo Hamburgo (RS) sem aumento nos casos de Covid

Trabalho une educação, saúde e assistência social. No terceiro mês sem interrupções nas atividades escolares, 60% dos estudantes da rede municipal já voltaram às aulas presenciais.

G1
https://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2021/08/09/aulas-presenciais-entram-no-terceiro-mes-em-novo-hamburgo-rs-sem-aumento-nos-casos-de-covid.ghtml
Trabalho une educação, saúde e assistência social. No terceiro mês sem interrupções nas atividades escolares, 60% dos estudantes da rede municipal já voltaram às aulas presenciais. Escolas em Novo Hamburgo (RS) criam projeto para receber alunos de volta
As escolas na cidade gaúcha de Novo Hamburgo criaram um projeto para receber os alunos de volta. As aulas presenciais entraram no terceiro mês e sem aumento nos casos de Covid.
“Oi, Paola, tudo bem? A gente veio até aqui para ver com você como está a situação das crianças”, disse funcionária da escola.
Essa conversa tem encorajado muitas famílias a mandarem os filhos de volta para a escola.
“Eu estava muito preocupada porque em casa não é a mesma coisa do que estar no colégio, em que a professora já sabe como lidar, né?”, contou a calçadista Paola Jossana Henrique.
As visitas começaram em julho, dois meses depois da volta às aulas presenciais em Novo Hamburgo, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Mais de 100 alunos tinham perdido o vínculo com as escolas.
“Nós já trouxemos muitos alunos de volta. Os pais achavam: ‘Não precisa, agora não é obrigatório', ou porque a criança mesmo estava trabalhando, já explorando esse foco importante que nós temos que atacar: o trabalho infantil. Cada aluno é importante para nós, cada aluno tem o direito de estar na escola”, explicou Maristela Guasselli, secretária Municipal de Educação.
Um trabalho que une educação, saúde e assistência social e que, mês a mês, vem trazendo mais alunos de volta.
“A gente liga. A família não consegue vir aqui, não é o melhor horário, não consegue, a gente vai na casa. Esse ouvir, dar essa atenção, entender o problema e tentar, juntos, como que nós vamos resolver eu acho que é bem importante. A família se sente acolhida e não se sente julgada”, esclareceu a diretora Andrea Zimmer.
Foi esse acolhimento que tranquilizou o coração de Maria.
“Elas prontamente me abraçaram, o abraçaram, não nos colocaram nada assim. Simplesmente nos abraçaram com todo amor, todo carinho e eu tenho visto isso. Quiseram saber qual a nossa real necessidade, pararam para nos ouvir”, contou a dona de casa Maria Josiane Dias.
Sessenta por cento dos estudantes da rede municipal já voltaram às aulas presenciais, mas o número de casos de Covid não aumentou, nem entre os professores. Eram 76 infectados quando as aulas ainda eram só online e eles estavam em casa. Agora, três meses depois, são 36 casos positivos, nenhum com gravidade.
Conquistado o tão esperado retorno, é hora de vencer novos desafios. Os educadores precisam motivar os alunos a continuar estudando. Para isso, desenvolvem estratégias para recuperar o aprendizado perdido depois de um ano de escolas fechadas.
Samuel já estava até perdendo a habilidade para ler e escrever. De volta para a escola, participa de oficinas de reforço e, na sala de aula, ganha atenção especial do professor. Em poucos meses, mãe e filho já percebem a diferença.
“Antes, eu não conseguia nem ler meu nome direito. Agora, eu estou conseguindo ler meu nome”, falou o estudante Samuel Henrique Dias Correia.
“Ele não queria mais, acho que ele já tinha perdido as expectativas pela escola. E aqui, graças a Deus, eles já estão recuperando isso com ele, sabe?”, enfatizou a mãe Maria Josiane.

Fonte: https://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2021/08/09/aulas-presenciais-entram-no-terceiro-mes-em-novo-hamburgo-rs-sem-aumento-nos-casos-de-covid.ghtml
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp