MENU

08/09/2021 às 12h34min - Atualizada em 08/09/2021 às 12h34min

Aplicadores do concurso da Polícia Militar do Paraná afirmam que ainda não foram pagos pela UFPR

Núcleo de Concursos da Universidade Federal do Paraná foi responsável pela aplicação das provas, no dia 13 de junho. Instituição disse que pagamentos serão realizados

Redação com G1
Divulgação
Aplicadores das provas do concurso da Polícia Militar do Paraná (PMPR) afirmam que ainda não foram pagos pelo Núcleo de Concursos da Universidade Federal do Paraná (UFPR) pelo dia trabalhado. As provas aconteceram no dia 13 de junho e até sábado, dia 4 não haviam recebido ainda o pagamento. 

Cerca de 25 mil colaboradores foram contratados para trabalhar na aplicação das provas de conhecimentos gerais. A primeira etapa do concurso aconteceu em 379 locais de prova espalhados por 28 cidades do estado.

Pessoas que trabalharam no concurso ouvidas pelo G1 afirmaram que o pagamento seria feito até 45 dias úteis após a aplicação das provas. O prazo venceu na sexta-feira, dia 13 de agosto. A maior parte dos trabalhadores deveriam receber R$ 150 pela diária.

Um dos aplicadores da prova em Jacarezinho, procurou o JNN. "O processo foi conduzido pela UFPR e, até o momento (dia 4), os aplicadores das provas não tiveram um posicionamento quanto ao pagamento dos serviços prestados", disse. O PortalJNN entrou em contato com a UFPR mas até a publicação da reportagem não houve retorno do contato.

Segundo o G1, a UFPR afirmou por meio de nota que os pagamentos estão assegurados e serão feitos para todos os colaboradores que atuaram no concurso da Polícia Militar. Apesar disso, um prazo não foi informado.

Além disso, a instituição alegou que enfrenta dificuldades, já que a pandemia fez com que a organização ampliasse o número de locais de prova, passando de 13 mil colaboradores previstos para 25 mil.

Com isso, a universidade disse que o tempo para efetivação dos pagamentos se tornou maior do que o habitual, incluindo o cronograma de repasses financeiros do Governo do Paraná para o Núcleo de Concursos da UFPR.

Ainda de acordo com a UFPR, a instituição está se movimentando para agilizar o repasse orçamentário do Estado para fazer o pagamento dos aplicadores que ainda não receberam.

De acordo com o Núcleo de Concursos, o pagamento foi dividido em lotes, sendo que 10 mil colaboradores estão sendo pagos nesta primeira fase.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp